RESENHA: A estrada da noite - Joe Hill









SINOPSE: "Vou ‘vender’ o fantasma do meu padrasto pelo lance mais alto..."


Por 1.000 dólares, o roqueiro se torna o feliz proprietário do paletó de um morto, supostamente assombrado pelo espírito do antigo dono. Sempre às voltas com seus próprios fantasmas – o pai violento, as mulheres que usou e descartou, os colegas de banda que traiu –, Jude não tem medo de encarar mais um. Mas tudo muda quando o paletó finalmente é entregue na sua casa, numa caixa preta em forma de coração. Desta vez, não se trata de uma curiosidade inofensiva nem de um fantasma imaginário. Sua presença é real e ameaçadora. O espírito parece estar em todos os lugares, à espreita, balançando na mão cadavérica uma lâmina reluzente – verdadeira sentença de morte. O roqueiro logo descobre que o fantasma não entrou na sua vida por acaso e só sairá dela depois de se vingar. O morto é Craddock McDermott, o padrasto de uma fã que cometeu suicídio depois de ser abandonada por Jude. Numa corrida desesperada para salvar sua vida, Jude faz as malas e cai na estrada com sua jovem namorada gótica. Durante a perseguição implacável do fantasma, o astro do rock é obrigado a enfrentar seu passado em busca de uma saída para o futuro. As verdadeiras motivações de vivos e mortos vão se revelando pouco a pouco em A estrada da noite – e nada é exatamente o que parece. Ancorando o sobrenatural na realidade psicológica de personagens complexos e verossímeis, Joe Hill consegue um feito raro: em seu romance de estréia, já é considerado um novo mestre do suspense e do terror.




Resenha:


Judas Coyne, é uma lenda do rock bem excêntrico e exótico,e para ocupar suas várias horas livres, cultiva uma bizarra coleção, comprando objetos macabros em leilões da internet e o que ganha dos fãs, entre eles uma fita snuff, uma caveira da idade média, uma forca, a confissão de bruxaria de uma garota para a inquisição... 
Um certo dia ele recebe um email sobre um site de compras estilo o ebay só que menos renomado, com um anuncio de compra de um paletó assombrado, nele habitava um espirito de um senhor. 
Jude que não era muito superticioso ficou excitado com a ideia de ter o seu fantasma particular. 
O que ele não sabia era que tudo isso não passava de uma cilada. Uma cilada que iria mudar a sua vida para sempre.


Jude faz negocio e depois de uns dias recebe em casa o seu paletó assombrado, com o passar dos dias coisas estranhas vão acontecendo e Jude passa a ser assombrado pelo fantasma do Craddock Mcdermott... 
Com o decorrer dos acontecimentos, Jude descobre que o Craddock era o padrasto de 'Florida' uma de suas antigas namoradas, que se suicidou a uns anos atrás, o fantasma vem em busca de vingança, alegando que Jude era o culpado pela morte de Flórida... 


Desde então Jude e Geórgia (Sua atual namorada) não tem mais paz, e são perseguidos diariamente pelo fantasma do padrasto de Flórida, agora eles precisam de um jeito ou de outro se livrar do fantasma, eles tentam de tudo, desde por fogo no paleto a se comunicar com o outro mundo atravez de tabuas de ouija. Vendo então que nada disso dava certo, Jude resolve ir atrás da irmã de Flórida, descobrindo assim que foi ela quem mandou o anuncio do paleto para seu email.


No decorrer da historia, Jude vai descobrir que Flórida e Geórgia tem muito mais em comum do que ele pode imaginar, e que Geórgia é a solução para todos os problemas. E que ele nunca foi o culpado pela morte de Flórida.


O Livro é muito bom, confesso que me surpreendi com a forma como o Joe Hill relata todos os fatos. Deve estar no sangue né, filho do Rei do terror. (Stephen King)


Outro ponto que eu amei no livro, é a parte romântica da coisa, acredite 'A estrada da noite' não é só terror, depois de passar por poucas e boas com a Geórgia, Jude percebe que ele a ama, e que nunca deu o devido valor a ela, e ele também percebe que amou demais a Flórida, apesar de seu jeito as vezes irritante de fazer mil perguntas, coisa que o deixava com os nervos a flor da pele, ele percebe que sente falta das perguntas dela. 


O Livro é muito bom, indico demais pra vocês.




Joe Hill




Gostou do livro? Que tal pesquisar os preços dele clicando aqui.
Ou você pode baixa-lo clicando aqui.




5 comentários:

  1. Parabéns pela resenha Kéziah! Já li A Estrada da Noite e curti bastante. Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Vanessa, fico feliz que você tenha gostado, o livro é realmente muito bom *-*

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  3. Eu morro de vontade de ler esse livro , hehe
    Ainda vou ter a oportunidade *_*
    Beeijão :*

    papeldeumlivro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Leia mesmo *-*
    O livro é muitoo bom!!
    Pra quem curte um terrorzinho.

    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
  5. AINDA não li,
    mas quero ler esse ano, antes de assistir ao filme!

    ResponderExcluir

Sua opinião é de extrema importância.
Sinta-se a vontade para deixar sua sugestão, crítica, dúvida, opinião, etc.
Mas lembre-se, seja educado com seus comentários e dispense palavras de baixo calão, pornografias e qualquer outro tipo de preconceito.
Deixe o link do seu blog ou qualquer outro tipo de contato para que eu possa retribuir sua visita.

Obrigada pela visita, volte sempre que puder.
Beijos!

Fonte: http://princesa-descolada-myla.blogspot.com/2013/03/paginacao-numerada.html#ixzz2j39CpByO