Resenha: Apesar de parecer, ele não está só - Sérgio Chimatti

Editora: Vida & Consciência
Autor: Sérgio Chimatti
Nota: 11111
Após a trágica morte de seus pais, Toninho perde totalmente a fé e passa, a todo tempo, a desafiar o poder divino. Sua vida é repleta de reviravoltas, amores, tragédias, traições, arrependimento e perdão. Com uma profunda lição sobre os caminhos tortuosos do coração até a descoberta do poder da fé, Sérgio Chimatti lança o romance 'Apesar de parecer, ele não está só', ditado pelo espírito Anele e publicado pela Editora Vida & Consciência. Toninho é um homem desiludido, que não mais acredita em Deus. Muda-se do interior para capital, onde se casa com a jovem trabalhadora Nereide. Mas a vida do casal passa a sucumbir ao ciúme e à violência e nem o nascimento de Jéferson, filho do casal, faz com que as coisas melhorem. Toninho, muito mulherengo, busca no relacionamento com Josilene uma fuga para os problemas. Muito pobre e mãe de três filhos, a amante inicia um jogo perigoso e obsessivo pelo amor de Toninho. Certo dia, transtornado pela vida dupla e pelo estresse do trabalho, Toninho acaba se excedendo com Jéferson e provoca um acidente que deixa a criança com sequelas neurológicas. Desolado e com a provação de cuidar de um filho doente, Toninho se livra de Josilene e, arrependido, tenta viver melhor com a família. Mas já é tarde. Nereide, muito doente, acaba desencarnando. Revoltado, Toninho perde qualquer fé que ainda lhe resta. Apesar da ajuda e conselhos de Dona Camila, uma vizinha médium de espírito muito iluminado, ele abandona o pobre Jéferson na porta de uma clínica e volta para o interior. Toninho começa a trabalhar para o temido e vingativo coronel Celestino. Obrigado a fazer vista grossa aos assassinatos ocorridos na fazenda, ele se consagra como funcionário de confiança do coronel e, assim, honrado o suficiente para casar-se com espevitada Graziela, filha do patrão. Mas Toninho acaba se envolvendo com Zilda, mulher do policial no centro da cidadezinha. Sem perceber, Toninho recomeça o mesmo ciclo que lhe acometeu no passado, fazendo com que os espíritos que ele deixou para trás caminhem com ele, interferindo em sua vida tanto para o bem, quanto o mal. Agora, ele terá de superar os desafios que antes lhe fizeram fugir e buscar no poder da fé a força necessária para enfrentá-los.



Como de costume preciso falar da capa do livro, e não tenho o que reclamar desta, como falei no correio literário o trabalho da Editora Vida & Consciência é magnifico, a qualidade da impressão, a beleza da capa, o degrade na orelha, enfim, sou muito fã da estética do livro, claro que o conteúdo é mais importante, porém que atire a primeira pedra quem nunca se apaixonou por uma capa. 



Eu estou com medo de dar spoiler ao escrever esta resenha, pois a história é tão boa que eu queria poder contar todos os detalhes para vocês (Da mesma forma que fiz com a minha mãe, rs). 



Como vocês sabem este é livro de teor espirita que conta a história de Toninho, um homem que após a morte dos pais perdeu toda a esperança na vida, um homem descrente de tudo, ciumento, possessivo e que não mede esforços para conseguir o que deseja, sendo capaz de passar por cima de todos e de tudo. Esse personagem tem atitudes tão chulas no decorrer da história que até me deu nojo da cara dele. 



A história é extremamente emocionante, onde conhecemos a maldade do ser humano e também conhecemos um pouco mais do tão curioso mundo espiritual, que é algo muito presente, porém totalmente desconhecido por alguns de nós. Nós estamos na terra com um único proposito, nos redimir de erros de vidas passadas para podermos seguir em paz, no livro isso fica bem explicado, um prato cheio para quem gosta e tem curiosidade sobre o tema. 



O livro é tão intenso que nem sei formular uma ideia concreta sobre ele e nem expressar as sensações que tive ao lê-lo. É engraçado como a vida dá voltas, e no decorrer do livro quando os personagens iam se cruzando e se interligando pude perceber o quanto o universo é pequeno e conspira para que nosso destino seja traçado. 



Estamos cercados por forças, tanto malignas quando benignas e não sabemos disso, o universo não se resume ao físico, NUNCA estamos sozinhos, dependendo de nossas ações vão existir espíritos bons ou espíritos ruins ao nosso redor, se você cultiva bondade com certeza estará cercado de espíritos de luz, porém se você for como Toninho e só plantar amargura e sofrimento, com certeza estará cercado por espíritos do mal que se alimentam desses sentimentos. 



O final é excepcionalmente triste. Durante toda a leitura eu estava disposta a dar ao livro apenas quatro estrelas, pois não estava contente com as atitudes do personagem! 



Porém, é impossível dar apenas quatro estrelas após ler o final, ele foi tão perfeito, tão real, tão maravilhoso que decide na hora que o livro valia a nota máxima, as cinco estrelas. 



Se você gosta de espiritismo, por favor, leia!

                            Kéziah Raiol

13 comentários:

  1. Sabe Kéh sou espírita Kardecista a muitos anos, então ler sua resenha tão emocionada me deixou feliz demais, uma jovem om a alma tão boa lendo um livro tão legal em deixa extremamente feliz.
    Achei a história do livro bem interessante, embora um tanto clichê os sofrimentos da vida retratados em um romance espírita nunca deixa nos ensinar algo positivo, sempre poderemos tirar lição das vivências alheias.
    Adorei sua resenha pelo simples fato de que vc resenho com coração, parabéns, foi simples e cheio de atitude sua resenha minha amiga, orgulho de vc viu *.*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ow obrigada Vivi *-*
      Fico mega feliz sabendo que você gostou, sabe né que a sua opinião pra mim é de grande peso.
      Beijos!

      Excluir
  2. Oiiie!

    Amei a resenha,você conseguiu realmente expor as ideias principais do livro e complementar com as suas.
    A história parece ser muito boa (gostei apesar de eu não ser espirita) pois o livro fala sobre boa conduta e má conduta,sobre as consequências de andar errado e sobre a soberania de Deus! =)
    Parabéns pela resenha e pelo blog!
    Fique com Deus

    http://oceano-literario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabi, fico feliz que tenhas gostado ;)
      Eu acabei me empolgando e falando um pouco demais! rs
      Mas, já concertei o erro =)

      Beijos.

      Excluir
  3. Oi flor!
    Uau, o livro mexeu mesmo com você hein?
    Deve ser uma leitura mesmo muito intensa e isso sempre chama minha atenção! Gostei da temática e fiquei interessada na leitura!
    Flor, posso só dar uma dica? Você meio que contou uma parte do final do livro e, por mais que isso não estrague a leitura (não sei se nesse caso estragaria ou não), ainda assim tem gente que prefere não saber nada do que acontece na história para se surpreender, e me incluo nessa categoria hehe! Só cuidado com o que você conta do enredo, oks? ^^
    Beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aione *-*
      Nossa é verdade, bem colocado. Eu me empolguei tanto que escrevi um ponto crucial do livro =O
      Até apaguei essa parte para não estragar a leitura de ninguém! hahahaha'
      Obrigada querida.
      Beijos!

      Excluir
  4. oi,
    otima resenha
    nao conhecia esse livro, fiquei interessada.

    http://lostgirlygirl.blogspot.com.br/

    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Michele =) quando der leia, acho que vais gostar... beijos!

      Excluir
  5. Oi Kéziah!
    Quanta honra conquistar cinco estrelas de uma leitora tão expressiva como você.
    Rí muito com seu comentário sobre as atitudes chulas do personagem Toninho e diverti porque eu mesmo tive a mesma sensação de "sentir nojo da cara dele" em alguns momentos rsrsrs.
    É gratificante saber que temos uma leitora apaixonante como você. Beijos! Sérgio Chimatti.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Toninho é um personagem um tanto quanto diferente! haha
      Obrigada pelo comentário Sérgio, uma grande honra.

      Beijos!

      Excluir
  6. Oi Kéh!

    Então, eu não gosto do tema. Já li um livro espírita, psicografado, mas ele colocou muitos pontos de interrogação na minha cabeça, e no momento, vai completamente no sentido contrário do que eu acredito. Mas não posso negar que, para uma ficção, se pudermos coloca-lo assim, a erstória é um prato cheio! A sinopse me chamou a atenção, por ter muito conteúdo. Adorei a sunha resenha, mostrando tudo aquilo que precisamos ler para nos atrair a atenção para o livro, ou não, rs.

    Beijos,

    Celle
    bestherapy.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu sei muito bem o pq você não gosta desse tema! rsrsrs'
      Mas, se você tiver a oportunidade ler um livro do gênero, leia Celle, acho que você vai gostar.
      Beijocas!

      Excluir
  7. Cheguei aqui pelo google e acho que vou me dar muito bem.Esse resuminho que deu era tudo que eu precisava.Adicionei voce no face ok.Beijos

    Fátima Cardoso

    ResponderExcluir

Sua opinião é de extrema importância.
Sinta-se a vontade para deixar sua sugestão, crítica, dúvida, opinião, etc.
Mas lembre-se, seja educado com seus comentários e dispense palavras de baixo calão, pornografias e qualquer outro tipo de preconceito.
Deixe o link do seu blog ou qualquer outro tipo de contato para que eu possa retribuir sua visita.

Obrigada pela visita, volte sempre que puder.
Beijos!

Fonte: http://princesa-descolada-myla.blogspot.com/2013/03/paginacao-numerada.html#ixzz2j39CpByO