Resenha: O estranho caso do Yoda de Origami - Tom Angleberger


  • Editora: Sextante
  • Autor: Tom Angleberger
  • Páginas: 160 ~ Capa Dura
  • Nota: 1111
  • Skoob

DOUG É UM GAROTO MUITO, MUITO ESTRANHO.

Ele sempre faz coisas esquisitas, como usar a mesma camiseta durante um mês, dançar feito maluco e se deitar no chão da biblioteca. Isso é constrangedor, principalmente para Tommy, que passa o recreio com ele todos os dias.

Por outro lado, Doug faz uma coisa muito legal: origamis. Um belo dia, ele cria um dedoche de origami do Yoda, o sábio personagem da saga Guerra nas estrelas. E aí tem início um grande mistério.

O Yoda de Origami prevê o futuro e sempre sabe como lidar com uma situação difícil. Seus conselhos funcionam mesmo e logo a maioria dos alunos da escola está fazendo fila em busca de soluções para seus problemas.
Tommy não entende como o Yoda de Origami pode ser tão sagaz se o Doug é tão sem noção. Será que o Yoda está usando a Força? Tommy precisa resolver esse mistério antes de aceitar seu conselho sobre uma garota. Este é o relatório que Tommy preparou ao investigar O estranho caso do Yoda de Origami. Para torná-lo imparcial, ele incluiu os comentários de Herbert, um colega que nunca acreditou no Yoda de Origami. Também pediu a opinião de Kevin, que só fez uns rabiscos em volta do texto. Veja como ficou!

E vamos a mais um infanto juvenil? Dessa vez falaremos sobre “O Estranho Caso do Yoda de Origami” publicado pela editora Sextante, parceira aqui do blog.

O que mais me chamou atenção nesse livro – além da bela capa e dos detalhes internos – foi à história ser extramente boba e ao mesmo tempo ser envolvente. Comecei a ler e com um piscar de olhos havia terminado, sem ao me dar conta de que o tempo havia passado. Além disso, contamos com uma história engraçada, em diversos momentos acabamos rindo das trapalhadas infantis dos garotos.

Bom, basicamente a história trata-se de uma investigação sobre o “Yoda de Origami” que supostamente é real, como assim? Através do Doug – um menino bobo, maluquinho e com gostos exóticos – o Yoda de origami se comunica com as pessoas dando-lhes os mais variados conselhos, mas ai que está o problema, quem faz a suposta voz do Origami é o próprio Doug, impossibilitando-nos de saber realmente se ele é real, mas o mais estranho disso tudo, é que Doug não é um menino capacitado para dar conselhos que dão certo, como os do Yoda.

Os alunos da escola resolvem então começar a investigar para ter certeza de que o dedoche do Yoda é real.

De inicio temos uma história tranquila e sem muitas aventuras, até que pro meio do livro as coisas se intensificam, trazendo a tona vários assuntos pré-adolescentes que valem a pena ser debatidos, tudo carregado de uma boa dose de humor, e claro de uma forma bem suave.

É um livro que recomendo para todos os tipos de leitores, desde os mais jovens aos mais velhos. Uma leitura fofa e proveitosa.

Nem preciso falar do trabalho gráfico da editora, tudo me fascinou de maneira enorme. Cada detalhe nas páginas, os desenhos infantis, as mudanças de fonte para cada personagem, criando assim a ilusão de que foram os mesmos que escreveram. Ah, ainda temos isso, podemos acompanhar a história do Yoda de Origami de vários ângulos, com várias opiniões de personagens diferentes.

Pra quem precisa de um livro mais descontraído, com uma história bem desenvolvida, e claro, para os fãs de Star Wars esse é o livro.

9 comentários:

  1. Oi,Késia!
    Eu ando numa vibe muito boa com livros infanto juvenis. Eu não conhecia esse, mas já o adicionei à minha lista de futuras aquisições. Esse tipo de gênero é muito gostoso! Esse Doug é aquele do desenho animado?
    Adorei a resenha!

    Também resenhei um livro bem legal do gênero lá no blog: Barbolandia- A Fuga do Herdeiro.
    Bjs!
    Zilda
    http://www.cacholaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Postamos quase juntas a resenha do mesmo livro parceira.
      Gostei muito do seu ponto de vista literário.
      Eu adorei o livro, e talvez sendo mãe de adolescênte eu tenha extraído algumas coisas mais densas da leitura, mas no fim acho que nós duas aproveitamos muito da leveza e alegria do origami do Yoda.
      Parabéns pela dica de leitura.
      Beijão
      Vivi

      http://vivianeblood.blogspot.com/2013/02/resenha-o-estranho-caso-do-yoda-de.html#comment-form

      Excluir
  2. Oi Zita!

    Esse livro parece ser muito legal! Gostei de ver a resenha porque quando você me falou dele, eu nem sabia do que se tratava. E quero muito ver ele, a diagramação parece ser fantástica! Como pretende me mostrar??? hahaha Ótima a sua resenha amiga!

    Beijos,

    Marcelle
    bestherapy.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. ah eu quero ler esse livro :) gostei bastante da resenha :)

    ResponderExcluir
  4. Interessante mesclar temas adolescentes que são necessários com humor, acho que fica tudo mais fácil e gostoso.
    clicandolivros

    ResponderExcluir
  5. Ah kkkk eu tbm li a da Vivi, e continuo achando esse livro muito bonito, além de fofo! Gosto do que a história aborda, e acho que deve ser muito bem escrito. Se tiver oportunidade, irei ler ele também.

    Até...
    Maurício - Sonhos e Resenhas

    ResponderExcluir
  6. Juro que li YOGA de Origami... hahahah

    ResponderExcluir
  7. Amo Star Wars, quero muchooo leer!

    ResponderExcluir
  8. Vi este livro no blog da Vivi e me apaixonei pelas páginas, capas e história.
    Gostei muito da sua resenha!
    Beijo
    Gabriel - Corações de Neve

    ResponderExcluir

Sua opinião é de extrema importância.
Sinta-se a vontade para deixar sua sugestão, crítica, dúvida, opinião, etc.
Mas lembre-se, seja educado com seus comentários e dispense palavras de baixo calão, pornografias e qualquer outro tipo de preconceito.
Deixe o link do seu blog ou qualquer outro tipo de contato para que eu possa retribuir sua visita.

Obrigada pela visita, volte sempre que puder.
Beijos!

Fonte: http://princesa-descolada-myla.blogspot.com/2013/03/paginacao-numerada.html#ixzz2j39CpByO