Resenha: Tentação sem Limites - Abbi Glines


  • Editora: Arqueiro
  • Titulo Original: Never Too Far
  • Páginas: 208
  • Nota: 
  • Skoob

A vida de Blaire Wynn não foi nada fácil. Sua irmã gêmea morreu muito cedo, seu ex-namorado e melhor amigo a traiu e ela precisou cuidar da mãe doente até o último dia de sua vida. Depois de tanto sofrimento, o que ainda seria capaz de machucá-la? O terrível segredo de Rush Finlay. Depois de se apaixonar perdidamente por ele, Blaire descobriu algo cruel que destruiu para sempre o mundo que conhecia. Agora ela está mais sozinha do que nunca e precisa recomeçar a vida longe de todos que a feriram. O único problema é que não consegue deixar de amá-lo. Rush Finlay também não sabe o que fazer. Apesar das tentativas dos amigos e da família para animá-lo, o rapaz segue desolado. Ele já não quer saber da vida que levava, regada a festas, bebidas e mulheres. É atormentado pelas lembranças de um sentimento que jamais imaginara que fosse conhecer e que não pôde ser vivido plenamente. Nem Rush nem Blaire imaginavam que seus universos pudessem se transformar de forma tão radical. Porém, a maior reviravolta das suas vidas ainda está por vir. E ela será tão intensa que obrigará Blaire a engolir o orgulho, voltar a Rosemary, na Flórida, e enfrentar seus inimigos. Rush por sua vez, terá que lutar para consertar seus erros e se provar digno da confiança e do amor dela. Segundo volume da trilogia Sem Limites, que já vendeu mais de 5 milhões de exemplares no mundo, Tentação sem limites é tão viciante e tentador quanto uma paixão proibida.
Quem ainda não leu Paixão sem Limites pode encontrar PEQUENOS – quase nulos, tentei filtrar bem – Spoilers, portanto tomem cuidado.

É engraçado como um livro de 200 páginas consegue ser tão intenso, te cativar tão rapidamente que o tempo simplesmente corre, e quando você menos percebe está fechando o livro com aquela sensação de “quero mais”.

Em tentação sem limites continuamos acompanhando a vida de Blaire e Rush – suspiros. Depois dos acontecimentos do último livro, Blaire não consegue mais confiar em Rush, se sente muito exposta com toda a pressão. Então ela decide voltar a Sumit sua cidade natal, achando que assim poderia fugir de todos os problemas, mais especificamente do Rush, porém seus planos de se esquecer de tudo que viveu com ele são cortados após ela descobrir algo que mudará para sempre o rumo da sua vida. Porém, voltar para Sumit não significa que ela terá novamente um lar, afinal, ela esta sozinha. Após algumas reviravoltas, adivinha para onde ela volta? Rosemary. Chegando a Rosemary ela volta a trabalhar e passa a morar com Beth.

Rush está desolado, não consegue viver sem Blaire, e a cada dia que passa se entrega. Mas a volta de seu amor a Rosemary é a oportunidade perfeita para que Rush conquiste a moça novamente, será que ele consegue?

Apesar de resistir bastante, Blaire sabe que é inútil e que no fundo ela sempre vai amá-lo e lutar contra isso é um grande erro.

Confesso que o Rush me decepcionou um pouco nesse livro, tomou algumas atitudes que só me deram certeza que no fundo ele é tão imaturo quanto demonstrou no inicio do primeiro livro, mas logo em seguida ele conseguia me conquistar com alguma atitude que balanceasse o comportamento passado. Como por exemplo, a intensidade que ele narra os seus sentimentos pela Blaire, é de suspirar apaixonadamente e invejá-la por ter um cara assim caidinho aos seus pés.

Fora que é realmente complicado se entregar a um amor quando a sua família crucifixa isso a todo o momento, é como se você estivesse fazendo a coisa mais errada do mundo. Parece que o mundo conspira contra esses dois. Mas, o amor verdadeiro supera tudo.

O mais cativante no livro é que temos dramas reais, desesperos reais, medos reais, rotinas reais – a única coisa irreal é o Rush não ser meu. Nem preciso dizer que AMO a narrativa, é completamente envolvente, e conseguimos ver claramente o amadurecimento dos personagens. Não é um livro regado de acontecimentos extraordinários, é um livro que conta a história de um casal normal, sendo assim, é um livro que te toca pela sua veracidade.

O ponto positivo desse livro é que dessa vez não temos apenas a visão da Blaire, o Rush também narra, são capítulos intercalados entre eles. O que deixa tudo ainda mais delicioso. Estou realmente ansiosa pela continuação, já que o final termina daquele jeito maroto que te deixa curioso para saber como eles vão prosseguir.

É um ótimo livro para quem curte o gênero. Indico!

13 comentários:

  1. Oie Kéziah
    Este livro é minha leitura do momento e depois daquele final em Paixão sem limites quase
    tive um treco. O segredo, tudo. Aquele segredo eu não perdoava, porque pra mim foi algo tão importante e fiquei indignada. Depois das reviravoltas eu estou gostando de Rush implorando, ele tem que implorar muito. Sim, com os pensamentos deles dá para ter uma noção do que ele sente pela Blaire e foi legal de ler. Eu espero me surpreende novamente com esse livro, por enquanto estou gostando da narrativa.

    Beijos,
    Jéssica
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  2. Eu não sou a única ensandecida por Rush, afinal! ahauhauhauahuah
    Amiga, concordo com tudo!!!
    Sou doida pelos livros e pelos personagens e pela escrita de Abbi!
    Agora assim, eu li o terceiro livro e sinceramente?: Achei um livro desnecessário. Acho que a autora poderia DE VERDADE ter parado nesse, que tem um final lindo.
    Mass... tem vários pontos positivos também.
    Enfim, também amo a série, e podemos entrar no tapa pelo Rush, apesar da Blaire já ter conquistado o cara! ahauhauhauhauah #Frustração!

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Kéziah!

    Confesso que, apesar de o primeiro livro ter me divertido, os personagens não me cativaram e achei o final muito xoxo. Aquele segredo parecia mais novela mexicana e se você me diz que Rush, que já não me convenceu no primeiro livro, tem atitudes parecidas com as do início do livro anterior não me instiga muito a ler. Talvez ainda leia. Gostei da resenha e que bom que aproveitou a leitura mais do que eu.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oiee, eu adorei esta nova forma de narração do livro, onde tanto Blaire quanto Rush narram suas histórias, desta forma foi possível perceber os sentimentos do Rush o que foi muito essencial neste livro onde Rush toma decisões precipitadas e de certa forma idiotas. Eu fiquei furioso com ele neste livro, mas no final quando ele diz porque ele fez aquelas coisas sabemos que ele é mais do que aparenta ser, enfim, eu adorei este livro e não vejo a hora de ler o terceiro hah, Abraços

    ResponderExcluir
  5. Estava curiosa para saber o que aconteceria no segundo volume da trilogia, ainda mais com a pequena degustação dele no final do primeiro. Mas a narrativa foi um tanto lenta, pelo menos no início. Mas ainda quero saber como ele vai terminar *-*.

    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Adoro capítulos intercalados, acho bem mais legal poder saber o pensamento das duas personagens principais... adorei você dizer que o final é maroto, faz tempo que não ouvia essa palavra! rs...

    E você falar que a única coisa irreal foi o Rush não ser seu me fez rir um pouquinho!! hahaha... Gosto bastante quando conseguimos perceber o amadurecimento das personagens, e é muito bom quando uma história nos toca pela veracidade, quando dá pra acreditar que aquilo realmente poderia acontecer. Mas ainda não me decidi quanto à leitura dessa série...

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  7. Oi,
    Bom eu ainda não li o primeiro livro da trilogia, mesmo assim li sua resenha (a curiosidade foi maior, mesmo com esses quase spolies)
    Adoro quando os escritores fazem a narração intercaladas, assim não ficamos em uma única visão o tempo todo deixando a leitura um pouco chata.
    Enfim é um livro que pretendo ler sim.
    Beijos

    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  8. Oi Keziah,
    tudo bem?
    Os livros dessa autora são curtinhos, não é mesmo? E o pior é quando eles são muito bons, pois queremos mais e mais e não tem mais, é uma tortura!!!
    Olha, que situação difícil, a irmã atrapalhando esse romance, a ex chegando também para atrapalhar. mas me apaixonei com a declaração de amor dele e o que chamou minha atenção foi o fato de termos sentimentos reais, medos reais nessa história, acho que isso aproxima mais o leitora da historia.
    Já está na minha lista com certeza.
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá Keziah x]

    Não sou muito fã de histórias do tipo, mas fiquei super empolgado lendo sua resenha pelo jeito que você demonstrou gostar do livro! Confesso que ri quando disse que o único ponto irreal é o Rush não ser seu UAHSUASHUSHAU
    Que bom que curtiu a história, também já tive essa sensação de ler um livro com menos de 200 páginas e ele ser tão incrível a ponto de querer mais no final!

    Abraços!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Ké!
    Concordo com vc: ''As marcas da guerra, que já dura anos, ainda estavam lá. A imagem da fumaça branca saindo das chaminés, liberando um aroma acolhedor, para o marido que voltava da lida, deu lugar aos gritos de seus familiares e vizinhos que ardiam nas labaredas das tochas. ''

    Isso foi uma das coisas que me marcaram nos livros da Abbi! Gostei muito dessa obra também! Virei fã da autora e apesar de amar essa trilogia, os meus livros preferidos dela são os do Woods! Parabéns pela resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Não li o primeiro livro da trilogia e mesmo voce falando que quase nao deu spoilers preferi nao arriscar. fiquei bem surpresa por esse livro receber uma nota tao alta, pois nao vi ninguem dar uma nota tao grande assim pro primeiro. isso me deixou com mais votnade de ler a trilogia

    ResponderExcluir
  12. Mas gente, só eu nao to sabendo desse livro? Hahaha! Li somente os dois ultimos capitulos, para nao captar aqueles spoilers q vc falou, mas ainda assi, fiquei curiosa... Ta q romance nao é minha praia, entao acho que vou esperar a resenha do terceiro antes de me arriscar, mas fiquei curiosa sobre a narrativa! =D

    ResponderExcluir
  13. Nossa amiga!
    Que tudo esse livro. Adorei saber que a narração é intercalada entre os personagens principais. Estou doida para ter a oportunidade de ler a série!
    Amei sua resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir

Sua opinião é de extrema importância.
Sinta-se a vontade para deixar sua sugestão, crítica, dúvida, opinião, etc.
Mas lembre-se, seja educado com seus comentários e dispense palavras de baixo calão, pornografias e qualquer outro tipo de preconceito.
Deixe o link do seu blog ou qualquer outro tipo de contato para que eu possa retribuir sua visita.

Obrigada pela visita, volte sempre que puder.
Beijos!

Fonte: http://princesa-descolada-myla.blogspot.com/2013/03/paginacao-numerada.html#ixzz2j39CpByO