Resenha: Austenlândia - Shannon Hale


  • Editora: Record
  • Páginas: 240
  • Nota: 
  • Skoob

Jane Hayes tem 33 anos e mora na Nova York atual. Bonita, inteligente e com um bom emprego, ela guarda um um segredo constrangedor: é verdadeiramente obcecada pelo Sr. Darcy. Embora sonhe com ele, os homens reais com os quais se depara são muito diferentes dos que habitam sua fantasia. Justamente por isso, ela decide deixar de lado sua vida amorosa e aceitar seu destino: noites solitárias aconchegada no sofá assistindo a Colin Firth em seu DVD. Porém, esses não são os planos que sua rica e velha tia-avó Carolyn, tem para a moça. A única a descobrir o segredo de Jane deixa, em seu testamento, férias pagas para a sobrinha-neta na Austenlândia. A ideia é que Jane tenha uma legítima experiência como uma dama no início do século XX e consiga se livrar de uma vez por todas de sua obsessão. Contudo, para isso, ela terá que abrir mão do celular, da internet e até do uso de sutiãs em troca de tardes de leitura, espartilhos e... a companhia de belos cavalheiros.

Quando li a sinopse de Austenlândia fiquei muito empolgada em começar a leitura, por gostar bastante da Jane Austen e principalmente do Mr. Darcy, mas acontece que quando estamos extremamente empolgados com algo, sempre acabamos imaginando que aquilo é fabuloso e consequentemente - quando não são - acabamos nos decepcionando de alguma forma. Assim aconteceu comigo... 

Vamos falar primeiro dos pontos negativos, senti que faltou algo dos personagens, a Shannon não conseguiu escreve-los mais completos, durante a leitura eu não conseguia me envolver com eles, sentir o que eles sentiam, nem mesmo me colocar no lugar da Jane, e olha que como eu disse, amo o Mr. Darcy. E a história me pareceu muito vaga, faltando alguns pontos e faltou também descrever alguns pontos importantes, fazendo com que o fim da história ficasse mais desenvolvida. Em suma, a ideia é ótima, mas faltou ser aperfeiçoada.

Os pontos positivos: A leitura é leve, rápida, envolvente e de fácil entendimento.Os fãs de livros mais "divertidos" vão gostar. Outra coisa que gostei bastante, a narrativa tem pontos engraçados, porém fala de coisas que nos fazem pensar. De maneira suave e gostosa.

A Jane, nossa protagonista é engraçada, os seus relacionamentos não dão certo, pois a mesma espera um Darcy na sua vida - iludida. Então, ela acaba procurando nos homens um homem como ele. Logo, acaba desiludida, então sua vida passa a se resumir a trabalho e maratona de Austen para poder ficar olhando e amando o Mr.

A parte do livro que me fez dar 4 estrelas foi exatamente a partir do momento que Jane ganha a "herança" da tia-avó, férias pagas em Pembrook Park, que fica em Kent na Inglaterra., adivinhem qual o intuído das férias? Fazer com que Jane pare de ser tão fantasiosa e obcecada pela Austen. Acontece que ir passar umas férias em um lugar onde pessoas se vestem como em 1816, fazem passeios em parques lindos, com roupas maravilhosas, com aqueles espartilhos apertados, bailes, encontros com cavalheiros maravilhosos, não é certamente uma boa ideia de esquecer todo o maravilhoso ar que a Austen nos proporciona. Mas acreditem, apesar de todos os motivos para ficar ainda mais apaixonada por toda a história, Jane percebeu que todo aquele ar fantasioso não fazia parte das nossas realidades. Talvez a sua tia-avó tivesse total razão em bancar essa viagem. Mas o legal mesmo são as coisas que acontecem nesse período.

Bom, o final foi interessante, mas como eu disse... Esperava mais. Ainda assim é uma ótima leitura, principalmente para os fãs da Austen. Mas lembrem-se de não ir com muita sede ao pote, leia sem nenhuma pretensão para não se decepcionar.

3 comentários:

  1. Ainda não li, mas estou morta de vontade!
    Apesar de que todo mundo espera mais dele =(
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  2. Tive exatamente o mesmo problema que você com esse livro: expectativas altas demais! Sou apaixonada com a escrita de Jane Austen e bem, tenho um amor platônico pelo Mr. Darcy ><' kkkkkk Imaginei que esse livro tinha sido feito para as piradas como eu, e acabei não me envolvendo nem me identificando com nenhum personagem. A leitura é divertida, mas, também não foi o que esperava.
    Ótima resenha

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  3. Amei sua resenha Kéziah, quase não vi opiniões de outras blogueiras sobre esse livro, vi muito poucas mesmo. Quero muito ler e não estou criando expectativas demais, como você sugeriu, quero ler pois sou fan desse universo Austen.
    Beijos
    Viviane
    Razão e Resenhas

    ResponderExcluir

Sua opinião é de extrema importância.
Sinta-se a vontade para deixar sua sugestão, crítica, dúvida, opinião, etc.
Mas lembre-se, seja educado com seus comentários e dispense palavras de baixo calão, pornografias e qualquer outro tipo de preconceito.
Deixe o link do seu blog ou qualquer outro tipo de contato para que eu possa retribuir sua visita.

Obrigada pela visita, volte sempre que puder.
Beijos!

Fonte: http://princesa-descolada-myla.blogspot.com/2013/03/paginacao-numerada.html#ixzz2j39CpByO