Resenha: Geek Love - Eric Smith


  • Editora: Gente
  • Páginas: 204
  • Nota: 
  • Skoob

Eric Smith sabe mais do que ninguém que existem prazeres imensos na vida geek. Amigos incríveis, conversas até de madrugada sobre realidades alternativas ou até mesmo o simples prazer de ler aquele lançamento de quadrinhos. No entanto, chega um momento na vida de todo nerd em que o amor bate à porta e daí vem a hora de jogar o xadrez tridimensional que é o mundo dos solteiros. Não se desespere, jovem Padawan! Deixe Smith guiá-lo por esse caminho e descubra que amar é muito mais do que flores e bombons. Afinal, nada é normal na vida do nerd, e o amor não é senão o mais extraordinário dos fenômenos humanos.

Preparado, Player 1? 

Esse livro foi feito especialmente pra você que está ai com a bunda na cadeira, sozinha(o), sem um amor pra compartilhar os momentos. Pra você que não para de pensar, POR QUÊ? Onde foi que eu errei? E se acima de todas as outras coisas você for um nerd ou geek assumido, daqueles que não entendem muito de “jogos de sedução”. Se você se encaixa em algum – ou todos – esses critérios. Prepare-se para embarcar em uma aventura com destino certo: Conquistar o coração de alguém.


Para que vocês não duvidem do que estou falando, trouxe alguns relatos de grandes amigos (creio que sejam amigos de vocês também). Vamos lá, confiram o que os nossos queridos estão falando sobre Geek Love.

“Meu relacionamento com a Princesa Peach nunca mais foi o mesmo” – Mario Bros 

“Sinto que a Daisy está adorando todo meu novo jogo de cintura” – Luigi 


“Minha casa” – E.T 


“*respiração ofegante*” – Darth Vader 


“*Barulho de coruja*” – Edwiges 


Ok, agora que vocês já sabem o que eles acham do livro, vamos a MINHA opinião.

Logo de inicio percebemos que o livro é focado em um público masculino, mas o próprio autor nos fala que basta as meninas passarem tudo pro feminino que fará o mesmo efeito, bom, eu sou menina e comigo deu super certo. 

Geek Love trata-se de várias dicas e ensinamentos de como arrumar a pessoa certa, e caso você arrume, ele te ensina também como cuidar desse relacionamento, da melhor forma Geek possível. O livro tem diversas partes engraçadas – gargalhei bastante durante e leitura. 

Eric caracteriza os tipos de nerds que existem, entre eles tem: Dos livros, dos filmes, das músicas, da geografia, da matemática e por ai vai. O mais interessante de tudo é que ele te ajuda a descobrir em qual grupo você se encaixa – obvio que desde que comecei a ler eu já sabia em qual grupo me encaixo. Depois de saber o seu grupo, ele nos mostra diversos “erros” que cometemos durante encontros. E essa parte é uma das mais engraçadas, separei um quote pra vocês. 

“Forças: Você ama ler – obvio. No entanto, também possui outras excelentes qualidades. Além de versado, um nerd dos livros geralmente é ótimo de conversa, criativo e tem o dom da palavra. Você pode usar isso num encontro (...). Fraquezas: Se é um bibliófilo, seus olhos imediatamente cairão sobre a prateleira de livros dela assim que entrar em sua casa pela primeira vez. Você sabe que não deve julgar um livro pela capa (até parece), mas não consegue evitar. Você é apenas humano (diferente dos protagonistas da trilogia crepúsculo sobre a qual está pousando seus olhos julgadores). Em vez de usar o gosto literário (ou a falta dele) de alguém como um sinal vermelho, use-o como um ponto de partida pra fazer perguntas que vão além das básicas “sobre você”. Ei, talvez exista algo de bom na serie crepúsculo que você acabou deixando passar. (SPOILER: não tem).”

Fãs de Crepúsculo que me perdoem, mas eu morri de rir disso. Além dessa, existem outras coisas muito relevantes para serem realmente usadas.

Existe um “porém” nesse livro, ele é cheio de citações de filmes, séries, desenhos, videogames, personagens... Se você não estiver familiarizado com determinados termos – principalmente de videogames – tenho certeza que você não vai conseguir usufruir tudo. Não estou dizendo que precisa ser expert no assunto para ler, mas se você souber o que é MPDG, cheat code, MMORPGS, NVR, etc... Você vai conseguir absorver bem mais da história, e achar bem engraçado. 

Eric nos ensina de forma majestosa, várias coisas: Desde criar um perfil digno em um site de relacionamento, até como realmente prosseguir em um relacionamento para que ele se torne duradouro. 

E para finalizar, o livro conta também com diversas imagens naquele estilo 16 bits que o deixam ainda mais irresistível aos olhos tão exigentes dos leitores. O Paixão Literária indica!


Novidades Literárias: Outlander - Diana Cabaldon


Oi gente, tudo bom? Vocês já ouviram falar do novo lançamento da SdE?? Outlander - A Viajante do Tempo... Não? Então vamos saber um pouquinho mais agora.

Em 1945, no final da Segunda Guerra Mundial, a enfermeira Claire Randall volta para os braços do marido, com quem desfruta uma segunda lua de mel em Inverness, nas Ilhas Britânicas. Durante a viagem, ela é atraída para um antigo círculo de pedras, no qual testemunha rituais misteriosos. Dias depois, quando resolve retornar ao local, algo inexplicável acontece: de repente se vê no ano de 1743, numa Escócia violenta e dominada por clãs guerreiros.
Tão logo percebe que foi arrastada para o passado por forças que não compreende, Claire precisa enfrentar intrigas e perigos que podem ameaçar a sua vida e partir o seu coração. Ao conhecer Jamie, um jovem guerreiro escocês, sente-se cada vez mais dividida entre a fidelidade ao marido e o desejo. Será ela capaz de resistir a uma paixão arrebatadora e regressar ao presente?

Essa capa está maravilhosa, não? E o book trailer também, vocês já assistiram?



Falta poucos dias pro lançamento e em breve teremos em mãos *-* animados? Quem quer ler? O que acharam da premissa? Quero saber TUDO!!

Lançamentos de AGOSTO - Arqueiro, Sextante e SdE Brasil‏.

Oi gente, tudo bom?
Chegou aquele momento do mês que ou: 1) Você fica chateado por estar sem dinheiro. 2) Fica endividado com o tanto de lançamentos que comprou. Ou 3) Sua lista de leituras atola. Mas, como gostamos de sofrer, vamos ver os maravilhosos lançamentos dessas três editoras que todo mês arrasam.

Correio Literário #9


Oi gente, tudo bom? Eu sei que o correio literário aqui no blog é meio maluco, tem cerca de um ano que eu não gravo videos, nem tags, nem correio nem nada. Já havia dito que estava sem editor, ok? Mas acontece que agora estou também sem câmera. A câmera que eu gravava antes já não era boa, então, imaginem agora! hahaha. Irei ficar sem videos até comprar uma nova, o que deve acontecer perto do natal (HELLO BLACK FRIDAY). Então, vamos seguindo com fotos. Eu sempre deixo acumular um monte pra mostrar, e acabo nem mostrando. Por isso, hoje vou mostrar o que recebi semana passada. É pouca coisa, mas vamos lá.
Pra começar, recebi do grupo Editorial Record... "A Lista de Brett", estou quase finalizando a leitura, e gente... Se eu falar pra vocês que o livro é maravilhoso vocês acreditam? Ainda nem finalizei e já tenho certeza que darei 5 estrelas e uma favoritada marota. E quem quiser saber mais a respeito do livro pode ler a sinopse clicando aqui. Ou pode simplesmente esperar minha resenha *-* reparem na capa, fabulosa! Detalhes em verniz, dando uma cara maravilhosa. Muito obrigada Grupo Editorial Record *-*


O próximo é um super lançamento, mega aguardado da nossa querida editora Parceira... Arqueiro! Temos mais um livro do DIVO Harlan Coben, quem não ama? Se você ainda não leu... Corre! Não li a sinopse, pois quando se trata de Harlan, eu adoro surpresas, e entrar na leitura não sabendo de nada é tudo. Mas se vocês quiserem ler a respeito basta clicar aqui. Aqueles que quiserem basta esperar minha resenha, e acompanhar direto aqui o blog (merchan). Reparem no carinho, recebi o livro maravilhoso junto de um lindo botton. Muito obrigada Editora Arqueiro! *-*


Da parceira linda Galera Record, recebi o tão esperado livro do David Levithan, li a sinopse e me apaixonei, tenho certeza que será uma leitura extremamente proveitosa e prazerosa. Vocês que acharam a capa linda (apesar de estar bem simples), podem ler a sinopse clicando aqui. Ou - vocês já sabem - aguardem a minha resenha. 


Por último, recebi também da Editora Arqueiro, O SUPER LIVRO DO MEU AMOR, MEU DIVO, MEU MARIDO, AMADO, IDOLATRADO, LINDO, TESÃO, BONITO E GOSTOSÃO... Joe Hill!!! Passando o tique nervoso, eu amo esse homem - como se já desse pra perceber - a narrativa me encanta, o desenrolar... Tudo, então nem preciso dizer que estava LOUCA para ler esse livro. Nosferatu promete, a diagramação, os detalhes e com certeza a história estão perfeitos. Vocês precisam conferir de perto. Lembrando, quem quiser ler a sinopse basta clicar aqui. Se você ainda não conhece o Joe, joga no Google: Joe Hill Livros, e dá uma boa pesquisada, pra quem gosta de terror/suspense é uma ótima pedida. Ainda não te convenci? Ele é filho do Stephen King - nome verdadeiro é Joseph Hillstrom King (PONTO FINAL). E aqueles que quiserem esperar... Vai ter resenha.


Ah, aproveito pra agradecer as editoras lindas que me enviaram esses livros.

Foi isso ai gente, já leram algum? Tem vontade? Comentem ai *-* 

Resenha: Men Repeller (Repelente de Homem) - Leandra Medine



Em seu primeiro livro, a badalada blogueira e queridinha do mundo fashion conta suas divertidas memórias. Com jeito insolente, uma franqueza desconcertante e fotos de seu arquivo pessoal, Leandra compartilha detalhes da noite em que perdeu a virgindade, quando esqueceu de tirar as meias soquetes brancas, e descreve o momento em que percebeu que a clutch Hermès vintage da sua avó, feita de pele de avestruz, poderia guardar muito mais do que a chave e o celular. Leandra é a prova de que não precisamos trair nosso estilo repelente nem mesmo ao procurar o vestido de noiva (que pode ser muito bem ser combinado com uma jaquetinha perfecto de organza). Exibindo as opiniões originalíssimas de uma blogueira que ganhou milhões de fãs, este livro reúne experiências divertidas e meio bizarras, uma história amor superdoce e, acima de tudo, um lembrete para celebrarmos um mundo que é feito pelas mulheres e para as mulheres.


Comecei a leitura despretensiosamente, simplesmente resolvi pegá-lo da estante e dar uma chance a esse livro de nome sugestivamente engraçado. Acontece que eu me decepcionei mesmo sem ter criado grandes expectativas. A verdade é que eu não gostei nadinha do livro, conforme as páginas iam passando eu ia sofrendo, pois queria mesmo que ele acabasse.

O livro é meio que uma “autobiografia” da Leandra Medine – disse meio que, pois nem eu sei bem do que se trata realmente o livro. Ao meu ponto de vista, o livro tem muita coisa maçante, que não são tão agradáveis de ler. Creio que o ponto principal do livro, o foco era ser engraçado. Mas, confesso... Algumas partes foram mesmo engraçadas, outras... Digamos que a autora me passou a sensação de “Vamos forçar a barra para parecer realmente cômica essa situação”. “Eu quero mesmo que todos achem graça disso aqui”. “Minha vida é uma piada”. Ok, todos nós passamos por situações engraçadas/constrangedoras. Mas, a autora tentou sem dúvidas enaltecer isso.

Leandra nos conta seus momentos cômicos, e principalmente seu gosto esquisito em se vestir, suas meias estranhas, suas roupas largas, e mais um monte de coisa que realmente estranha. Por esse motivo ela se intitulava como “Repelente de homem”, pois devido ao seu comportamento inusitado, nenhum menino se aproximava dela, fazendo com que o seu ritmo amoroso fosse bem mais devagar que de suas amigas. 

O livro tem algumas ilustrações de fotos da Leandra – que são apresentadas conforme o fato narrado. Essas fotos foram às coisas mais engraçadas. 

Dei duas estrelas única e exclusivamente, pois tenho em vista que esse livro pode ajudar algumas meninas que se preocupam demais com que os outros pensam, aquelas que vivem de estereótipos, e Man Repeller pode te fazer repensar sobre o que é viver para si mesma, sem medo do que vão falar, vestir-se do jeito que te agrada e etc. 

Como nem tudo que é ruim pra mim, é ruim pra você. Quem quiser uma leitura que não vai mudar a sua vida – depende do ponto de vista também, mas que pode sim te fazer dar umas risadas. Vá em frente! 


Vício em Séries.


Oi gente, tudo bom? Estava assistindo os videos - como de costume - no youtube e me deparei com um vídeo chamado "Vício em Séries", no canal "Cinco Minutos" da linda e engraçada Kéfera Buchmann. E esse vídeo resume minha vida. Nossa, eu amo séries e sei que muitos daqui também, e já cansei de virar a noite assistindo minhas (aham, minhas no plural) séries favoritas. Então, resolvi compartilhar com vocês o vídeo. (A verdade é que eu não quero ficar muito tempo sem postar aqui, então as vezes vou aparecer só pra descontrair). Agora me digam, quem ai é viciado em séries? Quais vocês assistem?

Eu vou tentar listar as séries que assisto (re-assisto, re-vejo, re-tudo).

  • The Vampire Diaries
  • The Walking Dead
  • Drop Dead Diva
  • Rupaul's Drag Race
  • Orange is The New Black
  • Being Human
  • Friends
  • Cult
  • Glee
  • Game Of Thrones
  • Lie to Me
  • Mike and Molly
  • Californication
  • Mr. Bean
  • Chaves
  • New Girl
  • Dawson's Creek
  • Samantha Who?
  • Spartacus
  • Supernatural
  • In The Flesh
  • Vegas
  • Arquivo X
  • True Blood
  • CSI
  • Lost
  • Once Upon a Time
  • Os Simpsons
  • Revenge
  • Bates Motel
  • Two And a Half Men
  • The Big Bang Theory
  • The Originals
  • Hemlock Grove
  • Family Guy
  • 666 Park Avenue
  • Americam Horror Story
  • Arrow

E ainda tem outras, que eu não consigo lembrar agora. Eu sei, tem coisa demais ai. Fazer o que? Meu vicio vai além de livros! hahaha' Beijos e assistam o vídeo da Kéfera.


Resenha: Belo Casamento - Jamie McGuire

Editora: Verus Editora
Páginas: 126
Gênero: Jovem Adulto
Nota: 

A louca e viciante história de amor de Travis e Abby foi narrada por ela em Belo desastre e por ele em Desastre iminente. Como num conto de fadas moderno, sabemos que eles se casaram e foram felizes para sempre... mas quanto realmente conhecemos dessa história? Por que Abby fez o pedido de casamento? Que confidências eles trocaram antes da cerimônia? Onde passaram a noite de núpcias? Quem sabia que eles iam se casar e guardou segredo? Todos os detalhes sobre o casamento de Travis e Abby eram secretos... até agora. Os fãs do casal mais quente da literatura terão todas as suas perguntas respondidas nesta história vertiginosa sobre o dia (e a noite...) do casamento de Travis e Abby — e o melhor, contada pelo ponto de vista dos dois!
Este livro pode conter spoilers de Belo Desastre, portanto, leia por sua conta e risco.

Confesso que assim que recebi o livro fiquei um pouco decepcionada, eu não tinha lido nada a respeito e não sabia que ele era tão fino. Para ser sincera eu esperava mais um SUPER livro - com relação ao tamanho - para poder matar a saudade do Travis. Mas, acredite, o tamanho não importa em nada, em Belo Casamento todos os pontos em branco de Belo Desastre são preenchidos, dando fim a nossa imensa curiosidade a respeito desse casal tão querido no mundo literário.

Ao ler a sinopse desse livro, aqueles que leram Belo Desastre vão ficar cheio de dúvidas, afinal... Abby e Travis esqueceram mesmo tudo que aconteceu? Esqueceram o desastroso incêndio em Keaton Hall e simplesmente vão seguir em frente? Acontece que há mais do que podemos prever nessa história. O verdadeiro motivo do casamento, além do tal pedido feito por ninguém menos que Abby será revelado. E além do mais podemos conferir de perto a tão sonhada e invejada lua de mel dos dois. Aqui nesse exato momento, vocês meninas podem se preparar. Vocês achavam que o nosso Crazy Dog era perfeito? Então, vocês vão tirar a prova e confirmar definitivamente que o Travis é um homem perfeito.

Acontece que Belo Casamento não é uma continuação, e sim um livro intermediário que conta tudo que aconteceu com os preparativos do casamento, fatos inéditos que não foram narrados nos outros livros. 

Travis continua maravilhosamente irresistivel, ouso a dizer que ele ainda está mais fabuloso do que nunca. E Abby me surpreendeu nessas 200 páginas, se mostrando corajosa e decidida com as suas escolhas.

Belo Casamento põe um ponto final fabuloso na história de Abby e Travis. Se você gostou do primeiro livro, tenho certeza que vai amar esse.

Resenha: Estranha Perfeição - Abbi Glines


Editora: Arqueiro
Páginas: 208
Título original: Twisted Perfection
Nota: 
Della Sloane não é uma garota comum. Ansiando se libertar do seu passado sombrio e traumático, ela planeja uma longa viagem de carro em busca de autoconhecimento e dos prazeres da vida real. Seu plano, no entanto, logo encontra um obstáculo: o automóvel fica sem gasolina em Rosemary, na Flórida, uma cidadezinha praiana no meio do nada. Neste cenário, ela conhece o jovem Woods Kerrington, muito disposto a ajudar uma menina bonita em apuros. O que ela não sabe é que Woods é o herdeiro do country club Kerrington e está de casamento marcado com Angelina Greystone, uma união arranjada que culminará na fusão de suas empresas, garantindo o futuro profissional do rapaz. Uma noite despretensiosa parece a solução perfeita para Della e Woods fugirem por um tempo de tanta pressão. Do passado que ela gostaria de esquecer. Do futuro de que ele tantas vezes tentou escapar. Mas eles não poderiam prever que a atração os levaria a algo mais quando os seus caminhos se reencontrassem. Agora precisam aceitar suas estranhezas para descobrirem a perfeição. Se você é fã da série Sem Limites, vai adorar este delicioso romance ambientado no mesmo universo sedutor criado por Abbi Glines.


"You are my sunshine, my only sunshine. You make me happy when skies are gray."

Abbi Glines. Eu amo Abbi Glines. Essa mulher tem o poder me teletransportar para as páginas de seus livros, consigo ficar completamente envolta com os personagens, os cenários, a história. 

Desta vez os protagonistas não deixam a desejar. Della e Woods são perfeitos, humanamente perfeitos. Antes de começar a falar, gostaria de ressaltar: Se você, assim como eu, ao ler os outros livros da Abbi se apaixonou loucamente pelo estilo do Woods, sinto te informar que nesse livro ele veio com força total, pronto para arrebatar o coração até das mais sórdidas mulheres.

Della Sloane, 19 anos, nunca teve uma vida “aproveitável” sempre viveu presa devido à peripécias de sua mãe maluca, agora depois de perdê-la. Sua amiga Braden incentiva Della a sair, aproveitar, e curtir a vida. E qual a melhor forma de conhecer novos costumes, novas pessoas? Uma viagem! Della parte sem destino, focada em aproveitar o máximo. Mas como nem tudo são flores, logo de inicio se depara com um pequeno problema: Abastecer o carro. – vocês já podem rir. Mas Della NÃO SABE COMO ABASTECER SEU CARRO. Ok, super natural – quem sabe abastecer um carro? Oh coisa difícil – por ironia do destino aparece por acaso um lindo homem disposto a ajudá-la nessa difícil jornada para por gasolina. Aqui eu vós pergunto: Quem é esse homem maravilhoso que cruza o caminho da jovem Della? Talvez seja... Woods Kerrington.
~~
"I've never opened up to anyone. So hard to hold back when I'm holding you in my arms. We don't need to rush this, let's just take it slow."
- Eu nunca me abri para ninguém. Tão dificil me segurar quando estou com você em meus braços. Nós não precisamos nos apressar, vamos devagar.
~~

Apesar de Woods ser lindo – maravilhoso, delicioso, perfeito – temos outro problema a vista, e ouso em dizer que bem mais complicado do que abastecer um carro: Woods está com a liberdade por um fio, seu pai está obrigando-o a casar com Angelina Greystone. Nem preciso dizer que esse casamento é apenas por interesse. Aqueles senhores que querem unir as famílias para formar apenas uma empresa, e assim ter mais lucro. Além desse probleminha com o tal casamento. Della não é o tipo de mulher que se entrega fácil, muito pelo contrário, a única coisa que ela não quer no momento é se envolver e ter algo mais sério, pois o seu passado ainda é muito presente, e a atormenta diariamente.

Adoro a forma simples e precisa que a Abbi narra toda a história, adoro a forma natural que ela cria personalidades tão distintas aos seus personagens. Adoro a forma como ela deixa um gancho fabuloso e tentador para o próximo livro. 

Será que podemos controlar as forças de uma paixão? Angelina deixara o caminho livro para os dois? Será que o amor consegue sobreviver a todas as barreiras? Talvez o que aconteceu entre Della e Woods seja apenas um fogo momentâneo. Bom, prepare-se para um bom romance, com uma dose de veneno, paixão, fogo... Como de costume, Abbi uni o útil ao agradável, e PAM... Dessa mistura sai um livro fabuloso chamado: Estranha Perfeição.

"Never mind, I'll find someone like you."


Resenha: Amor nas Entrelinhas - Katie Fforde


  • Editora: Grupo Editorial Record
  • Ano: 2014
  • Gênero: Chick Lit
  • Páginas: 400
  • Mais Informações
  • Nota: 

Prestes a ficar desempregada, Laura Horsley acha que o convite para ajudar na organização de um festival literário veio bem a calhar. Mas quando recebe a missão de convencer o famoso escritor Dermot Flynn a comparecer ao evento, ela é dominada pelo pânico. Dermot é temperamental, nunca sai de casa e enfrenta um bloqueio criativo. É também o escritor favorito de Laura, além de extremamente atraente e dono de uma longa lista de conquistas amorosas. Por isso, não é de surpreender quando ele diz que só vai participar do festival se ela concordar com uma única condição, que pode colocar em risco não só o sucesso do evento, mas também o coração de Laura.


Seria clichê seu eu começasse essa resenha dizendo que este livro é puro clichê? Pois hoje em dia clichê é ser clichê, afinal todo tem um lado clichê. Acontece que eu adoro esses romances bem clichês. Mas, adoro ainda mais quando a autora consegue dar a volta por cima e diferenciar um romance clichê dos demais, transformando a história em algo tão agradável e divertida, que clichê se torna apenas uma palavra sem sentido. Ufa, chega de tanto clichê – não falarei mais disso, acho.

Laura Horsley é nossa protagonista, ela adora ler e foi convidada para organizar um evento literário. Por ser uma personagem que gosta de ler, logo achei que iria me identificar muito com ela, mas, para minha total decepção... Laura é uma chata, mimada, e temperamental. Diversos momentos ela tem atitudes tão legais que a gente pensa que vamos passar a gostar, mas dai ela vem com outra atitude completamente infantil e desnecessária.

Desmond Flynn é um escritor muito famoso, completamente temperamental, com uma personalidade tão difícil de lidar... E adivinhem só? Laura precisa convencer esse maluco a ir ao evento que ela está criando. E para confirmar ainda mais o clichê... Vocês sabem o que acontece depois? Tenho certeza que todo mundo tem um palpite certeiro a respeito disso.

A autora tem uma narrativa de fácil entendimento, fluida e que nos deixa com vontade de virar as páginas. É uma leitura leve, tranquila e ótima para passar o tempo. A unica coisa que eu devo acrescentar é: Não crie expectativas, leia despretensiosamente e você vai aproveitar o máximo da leitura.

Resenha: Biofobia - Santiago Nazarian


  • Editora: Grupo Editorial Record
  • Ano: 2014
  • Gênero: Thriller
  • Páginas: 240
  • Mais Informações
  • Nota: 

“Talento, voz, rosto, tudo murcha com o tempo. A natureza é madrasta e, para um roqueiro de meia-idade que já viveu todos os excessos de sua geração, a natureza só existe como ameaça, inimiga, perversa. Isolado numa casa de campo, após o suicídio da mãe, ele enfrentará suas frustrações e medos internos, enquanto o mato cresce lá fora, o solo espera por seu sangue. Biofobia é a volta de Santiago Nazarian ao thriller, seu primeiro romance ‘adulto’ em cinco anos, numa narrativa tão literária quanto cinematográfica. Prepare-se para o pior.”




André é um roqueiro de meia idade, vocalista de uma banda – de rock, obviamente – que alcançou o máximo de sucesso possível, e agora está apenas aproveitando os frutos de seu trabalho. Sua mãe era uma escritora de sucesso, mas a mesma comete suicídio e deixa André completamente desolado, mas não desamparado – como se ele precisasse de algo – de herança André recebe uma casa situada em um interior. Essa casa é o paraíso, como sua mãe era escritora a casa possui uma vasta gama de livros espalhados – pense na inveja que tive ao ler isso. E para o meu espanto, a decisão principal de André e de sua irmã era se desfazer de tudo aquilo que pertencia a sua falecida mãe, e neste meio termo temos um André com crise existencial, começa a refletir sobre seu passado, presente e futuro. 

Este livro é bem completo, de inicio temos um enfoque para área existencial, toda uma vibe de: “morte, vida, como somos feitos de carne, o que tem depois disso aqui?” Engraçado que isso realmente nos toca, e nos faz querer saber mais sobre os pensamentos de André. E mais pra frente temos um mix de terror, mexendo com seu imaginário. André é incompreendido, mas eu certamente me apaixonei pelo personagem, pela sua simplicidade e seus pensamentos tão... Humanos. Todos nós temos duvidas, todos passaram por momentos difíceis, e esses questionamentos que vem a nossa mente são completamente normais, ainda mais depois de atingir uma dor tão profunda como a morte tão desmedida de uma mãe.

É o tipo de livro que você cria um amor e um ódio. Ele tem aquela coisa mais filosófica, que deixa um final meio aberto, que em minha opinião me deixaram bem confusa – por isso tirei uma estrela – a verdade é que eu espera mais explicações, mais emoção, mais... Apenas mais do final. A gente termina a leitura com aquela sensação de “falta algo”. O autor tem um talento inegável, mas ele precisava ter explorado mais essa ideia maravilhosa do livro, criado mais, exposto mais. Mas, ainda assim é um livro maravilhoso, nos faz pensar e nos envolve bastante. Indico a todos aqueles leitores que gostam de uma leitura que nos faça refletir.


Fonte: http://princesa-descolada-myla.blogspot.com/2013/03/paginacao-numerada.html#ixzz2j39CpByO